Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



DOURO

Sexta-feira, 29.06.07

 

 

 

 

dorio_gomes5g.jpg

 

 

 

 

Do teu leito

Nasce o fruto

O alimento

O trabalho

Do teu leito

Morre a vida

 

Para mim foste sempre diferente

Sempre que te recordo

Algo de novo me surge na memória

 

 

Existe entre nós um cordão

Que nos une

Quando no meu espirito tempestivo

Necessito de paz

É junto do teu regaço que a encontro

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por teresworld às 18:23


1 comentário

De cindamoledo a 01.07.2007 às 17:29

Bonito poema ao Douro. Um beijo cinda

Comentar post





mais sobre mim

foto do autor


pesquisar

Pesquisar no Blog  

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

calendário

Junho 2007

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930





comentários recentes

  • Anónimo

    Amigo Fernando FernandesDepois do pequeno comentar...

  • Anónimo

    Livraria Leitura traz-me á memoria o meu grande am...

  • Emanuela

    Simples e belo! As pessoas tem se esquecido de ser...

  • Emanuela

    Prazer em rever-te Teres. Linda postagem!

  • Margarida

    Adorei :-)***Um poema muito triste ....mas muito s...

  • allungare il pene

    Este texto bonito. escrever é uma terapia natural ...

  • allungamento

    Este texto bonito. escrever é uma terapia natural ...

  • jhennifer de oliveira dumas

    Eu adorei esse livro,já li ele inteirinho,é muito ...

  • natalia

    achei interessantissimo adorei este livro foi o me...

  • Lucília Galha

    Olá TeresaPeço desculpa pela insistência. Enviei-l...