Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



FOLHAS

Quinta-feira, 11.10.07

 

 

 

 

 

Acordo sobressaltada

pelo vento

no meio do nada

 

Lá fora

a noite dança

ao som da sinfonia

 

Pequenas folhas

despidas de cor

rodopiam incessantemente

aturdidas, embriagadas

envolvidas numa dança sem ritmo

 

Pouco a pouco

a noite despedesse

parte cansada

deixando cair 

a meus pés

o vestido negro

que envergava...

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por teresworld às 09:59


3 comentários

De V.A.D. a 11.10.2007 às 14:19

Sons de vento, dança de folhas... O vestido negro...
Adorei a forma como interpretou a noite, que podia ser a de um Outono qualquer...!

Um beijo...

De cindamoledo a 11.10.2007 às 21:01

Maravilhoso poema, gostei. Um abraço cinda

De Emanuela a 12.10.2007 às 03:18

Pude sentir-me parte dessa dança suave, embalada pelo meu amigo, o Vento... Adorei!
Beijinhos.

Comentar post








comentários recentes